Notícias

DAP – entenda a importância desse documento para o produtor rural


Para que o produtor rural se desenvolva dentro de sua cultura, inúmeras oportunidades são oferecidas pela cooperativa e também pelo próprio governo do país. E para que os produtores ligados à agricultura familiar fossem identificados na hora de obterem crédito em agências bancárias, o Conselho Monetário Nacional criou em 1995 a DAP – Declaração de Aptidão ao Pronaf (Programa Nacional do Fortalecimento da Agricultura Familiar).

Hoje, a DAP é o documento de identificação do produtor rural e com ele o agricultor possui taxas de juros diferenciadas, que são posteriormente destinadas a projetos que visam o desenvolvimento da própria agricultura familiar. A Coocafé possui cerca de 9.500 cooperados e sua grande maioria é formada por pequenos produtores que trabalham junto aos seus familiares, e graças a essa facilidade proporcionada pela DAP na aquisição de maquinários e insumos, muitas propriedades estão se tornando hoje uma empresa rural.

A declaração é gratuita e é fornecida através da apresentação dos documentos abaixo listados. Os produtores devem procurar o Sindicato dos Trabalhadores Rurais ou a Emater de sua cidade para realizar o cadastro e caso já o tenha, o mesmo deve ser renovado sempre que algum dado referente aos documentos apresentados for alterado.

Documentos necessários:

  • Carteira de identidade, CPF,
  • Carteira de identidade e CPF da Esposa
  • Certidão de casamento
  • Contrato ou Escritura
  • Cartão do produtor Rural
  • Relatório de vendas de café de 2017 e 2018.

 

Para mais informações procure uma Unidade Comercial da Coocafé.

 

Voltar Imprimir

Como ser sócio?

Clique no botão ao lado e veja como é fácil tornar-se um sócio da Coocafé

Newsletter