Notícias

Coocafé apoia mobilização a favor do novo código florestal


Cerca de 300 produtores saíram de Lajinha na tarde desta segunda feira (04/04) rumo a Brasília, onde irão participar de uma manifestação pacífica em defesa do novo CÓDIGO FLORESTAL BRASILEIRO, proposto pelo deputado Aldo Rebelo (PCdoB-SP). Este movimento está sendo liderado pela CNA (CONFEDEREÇÃO DA AGRICULTURA E PECUÁRIA DO BRASIL) e conta com o apoio COOCAFÉ, do SINDICATO RURAL DE LAJINHA e da FAEMG. Produtores rurais da região das Matas Mineiras e Sul do Espírito Santo se organizaram para participar deste movimento, que reunirá milhares de produtores na capital do Brasil.

Provavelmente o projeto não estará na pauta de votação no dia 05/04. A manifestação é para mostrar aos deputados que é necessário mudar o CÓDIGO FLORESTAL, que transformou o produtor rural em criminoso. O movimento vem com intuito de acelerar a votação o mais rápido possível, pois vencerá em 11 de junho de 2011 o prazo dado pelo decreto 7.029/09 para os produtores rurais averbarem suas reservas legais para não serem autuados pelos órgãos ambientais.
As modificações propostas são:

FICARAM ISENTO DA RESERVA LEGAL DE 20% AS PROPRIEDADES COM 4 MÓDULOS FISCAIS, SENDO ASSIM A MATA EXISTENTE NÃO PODERÁ SER SUPRIMIDA.
A MATA CILIAR PARA RIOS ATÉ 5 METROS DE LARGURA CAI DE 30 METROS POR MARGEM PARA 15 METROS.

AS VÁRZEAS, ENCOSTA E TOPO DE MORROS ONDE SE PRATICA AGROPECUÁRIA HÁ ANOS, SERÃO MANTIDAS COM APRESENTAÇÃO DE PROJETO TÉCNICO.
PARA ÁREAS SUPERIORES A 4 MÓDULOS, AS AREAS DE PRESERVAÇÃO PERMANENTE SERÃO CONSIDERADAS NO CÔMPUTO DA RESERVA LEGAL.

Precisamos mostrar que nossos cafeicultores produzem com responsabilidade socioambiental.

Clique aqui e confira as fotos da manifestação dos produtores em Brasília.

Voltar Imprimir

Como ser sócio?

Clique no botão ao lado e veja como é fácil tornar-se um sócio da Coocafé

Newsletter