Governança Corporativa

A governança corporativa define a forma pela qual a empresa é dirigida, administrada ou controlada. No caso da Coocafé, por se tratar de uma cooperativa, algumas regulamentações estatutárias devem ser obedecidas. Sendo assim, a estrutura administrativa da Coocafé é composta de:

Assembleia Geral – é o órgão máximo de uma cooperativa, onde é decidido o destino da organização. À Assembleia Geral estão subordinados os Conselhos de Administração e Fiscal.

Conselho de Administração – composto por 6 membros eleitos em Assembleia Geral Ordinária (AGO), com mandato para 4 anos. Dentre os 6 conselheiros eleitos, são escolhidos 3 para a Diretoria Executiva. O conselho se reúne obrigatoriamente uma vez por mês, junto com os diretores, para acompanhar as atividades da organização. Nessas reuniões, são definidos os direcionamentos necessários para o trabalho da diretoria.

Conselho Fiscal - composto por 6 membros, sendo 3 efetivos e 3 suplentes, também eleitos em Assembleia Geral, porém com mandato para 1 ano. O referido conselho tem a função de acompanhar e fiscalizar os trabalhos realizados pelo Conselho de Administração, reunindo-se obrigatoriamente uma vez por mês, além de visitar constantemente as filiais.

A prestação de contas da Coocafé é feita anualmente na AGO, quando é apresentado aos associados o Balanço Econômico Anual, sendo este acompanhado por uma empresa de auditoria independente. Todas as diretrizes, plano de metas e relatórios são discutidos durante a Assembleia.

Fernando Romeiro de Cerqueira

Fernando Romeiro de Cerqueira – Diretor Presidente

João Batista Bartoli de Noronha - Diretor Administrativo Financeiro

João Batista Bartoli de Noronha – Diretor Administrativo Financeiro

Pedro Antonio Silva Araújo

Pedro Antônio Silva Araújo – Diretor de Produção e Comercialização

Daniel Marcos da Silva

Daniel Marcos da Silva – Conselheiro Administrativo

Lúcio Farias Alves

Evaldo Afonso Rodrigues – Conselheiro Administrativo

Róger Lúcio Alves da Fonseca

Jozoé do Carmo – Conselheiro Administrativo

Assembleias

Para manter a transparência e a democracia características de uma cooperativa, a Coocafé promove assembleias para a tomada de decisões junto a seus associados, confira a seguir:

PRÉ-ASSEMBLEIA

Embora não seja uma obrigação estatutária, a Coocafé vem realizando pré-assembleias, com o objetivo de garantir ainda mais transparência aos seus sócios e exercitar a democracia. A pré-assembleia prepara o associado para o principal momento de uma cooperativa: a AGO. Nas pré-assembleias, os associados ficam a par de tudo o que diz respeito à sua cooperativa, uma vez que a Coocafé lhes apresenta as ações que foram e que estão sendo feitas, a evolução da organização e os números que serão detalhados e votados na Assembleia Geral Ordinária.

ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA

Quando há necessidade de se debater assuntos excepcionais, a Coocafé convoca uma Assembleia Geral Extraordinária (AGE). Esta tem os moldes de uma AGO, mudando apenas a Ordem do Dia, que nesse caso está relacionada às necessidades do momento.

ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA

Realizada anualmente, com data previamente estabelecida e comunicada a todos os associados, a Assembleia Geral Ordinária (AGO) é um momento especial para uma cooperativa. Nela são definidos o destino dos recursos e os caminhos que a organização seguirá, de forma democrática, o que torna a participação dos associados indispensável. Todos os cooperados têm direito a voto, desde que estejam com suas obrigações em dia.

A Coocafé realiza as AGO’s em sua sede, localizada no Areado, Lajinha/MG. Todos os anos são discutidos e aprovados os números de fechamento do exercício anterior e o plano de metas com os objetivos futuros. A eleição do Conselho Fiscal ocorre anualmente, enquanto a eleição do Conselho Administrativo ocorre a cada quatro anos.

Como ser sócio?

Clique no botão ao lado e veja como é fácil tornar-se um sócio da Coocafé

Newsletter